Comumente chamados de “caminhoneiros”, o profissional motorista caminhão (carga ou passageiro), está com sua profissão regulamentada desde 2015.

E por sua natureza intensa, o motorista de caminhão está exposto a diversos riscos.

Riscos que envolvem acidente de trânsito, que podem ter como causa fatores que vão desde fadiga, estresse, entre outros.

Pois fatores como esses, relacionados ao reflexo e raciocínio comprometido, aumentam exponencialmente o risco de acidente.

Então é por isso que estamos aqui hoje.

Vamos conversar sobre os riscos que esses profissionais estão expostos e vamos passar dicas que podem proporcionar um ambiente mais seguro e saudável para o mesmo.

Primeiramente vamos relacionar algumas falhas que geram a insegurança do motorista:

·      Falta de capacitação ou treinamento do profissional;

·      Jornada de trabalho muito extensa;

·      Veículo defasado, com falta de manutenção;

·      Percurso mau projetado ou a falta do roteiro;

·      Carga com excesso de peso;

·      Excesso de velocidade.

Estes são alguns pontos que devem ser observados.

Para você, motorista de caminhão, é preciso ir além do senso de responsabilidade.

Vamos a algumas dicas:

É importante uma jornada saudável, com descansos regulares de pelo menos 30 minutos a cada 6 horas no volante.

Além disso, vamos relacionar alguns dos riscos que o profissional está exposto:

Riscos Físicos

·      Ruídos vindos do motor ou de ambiente externo (veja DDS sobre riscos do ruído)

·      Vibrações, ou comumente falados, os balanços do veículo, seja por problema das ruas ou problemas mecânicos

·      Iluminação, tanto a falta quanto o excesso são fatores de riscos

Riscos Químicos

·      Graxa;

·      Combustíveis, óleos e solventes;

·      Monóxido de carbono expelido pelo cano do veículo, vapores de gasolina entre outros

Riscos Biológicos

·      Vírus;

·      Bactérias

·      Parasitas e etc.

Risco de Acidentes

·      Todos aqueles relacionados com as condições do veículo (ex.: motor, freios e etc)

·      E relacionados às condições das estradas, como a pavimentação, iluminação e etc.

Bem, nesse momento relacionamos alguns dos riscos, mas vamos dar alguns conselhos importantes que podem salvar sua vida:

·      Verifique a distribuição de carga em seu veículo para garantir uma maior estabilidade;

·      Verifique os instrumentos, retrovisores e acessórios necessários a uma boa condução;

·      Tenha certeza que o veículo está em boas condições de uso, com revisões em dia e etc.

·      Ande dentro dos limites das vias e mantenha sempre uma distância segura dos outros veículos;

·      Não fale ao celular e procure não se distrair na sua atividade;

·      Sabemos que é proibido dirigir sob efeito do álcool, além de estar infringindo a lei, você estará colocando você e as outras pessoas em risco.

Fica a dica:

Como forma de estímulo a não consumir álcool, vamos ler esse trecho do Artigo 306 da Lei 9.503 de 1997: “Penas – detenção, de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor. “

É preciso ser um motorista de caminhão que utilize a direção defensiva e busque a segurança de si e de todos a sua volta.

Até a próxima!


Herbert Bento
Herbert Bento

O DDS Online foi fundado em 2009 e tornou-se referência no ramo de diálogos de segurança do trabalho. A missão do DDS Online é compartilhar as boas práticas de trabalho para que os brasileiros possam voltar sadios para suas famílias depois de um dia de serviço!